Fauna

O PNPG é rico em diversas espécies que vivem e crescem em liberdade nas montanhas e colinas. Desde a cabra selvagem, o corso esquivo e pequeno, o majestoso lobo ibérico, o gato bravo, o cão de Castro Laboreiro, o javali, o cavalo garrano, o gado bovino com as suas raças barrosã e cachena que, criadas em liberdade, geram uma carne de qualidade e sabores únicos, às aves de rapina, como o mocho, águias, abutres e falcões, eis que resta apenas abrir horizontes aos sentidos e usufruir da diversidade.

1/4

Flora

1/10

O coberto vegetal é dominado por diversas árvores, formações arbustivas e plantas herbáceas.

Das inúmeras espécies arbóreas que poderemos encontrar nas montanhas do PNPG destacam-se os carvalhos, os sobreiros e alguns pinheiros. Das plantas herbáceas salienta-se a espécie íris boissieri (uma flor apenas conhecida do PNPG), o feto do Gerês, o lírio do Gerês, a anémona dos bosques, a orvalhinha, entre outras... Das formações arbustivas contamos com a giesta, a urze, a carqueja (muito usada para a confeção de chás), e o azevinho.

O Azevinho, também denominado AZEVIM, é um arbusto de folha persistente, frequentemente cultivado para efeitos ornamentais, devido aos seus frutos vermelhos. Estes apenas aparecem nas plantas femininas. A Casa do Azevim exibe, na sua entrada, vários exemplares machos que concedem à casa uma proteção natural e sombra para os dias mais quentes. As folhas são usadas na decoração da casa.

O Parque Nacional da Peneda-Gerês é igualmente fértil em múltiplas variedades de cogumelos, uns comestíveis, outros para apreciar apenas visualmente

Casa do Azevim | Alojamento Local 

Bouça dos Homens, Gavieira, Arcos de Valdevez 

Parque Nacional de Peneda-Gerês

E-mail: casa.azevim@gmail.com

+351 939 434 207 | +351 936 095 525